Utilidade casamentística: quando o vestido escolhe a noiva

fotoDepois de toda a reviravolta que um pedido de casamento faz na sua vida, a primeira coisa que vem à cabeça é o vestido de noiva. Voltei de viagem com um modelo definido – saia de um jeito, costas com tal decote e outros detalhes bem definidos. Dois meses se passaram e eu mantive o vestido ali, no celular, pra rever e dizer pra mim mesma: “é esse”.

Quando a hora de torná-lo real chegou,  tracei uma estratégia: buscar alguns vestidos prontos pra avaliar o caimento e fazer ajustes no “meu” modelo, caso fosse necessário.

O resultado foi esse: experimentei exatos 7 vestidos. E voltei para o 6º  – ele já tinha me escolhido.

E quer saber? O meu vestido de noiva não tem absolutamente nada do tal modelo que eu tinha escolhido até então. Mas é que algo diferente aconteceu  quando eu me vi mergulhada nas camadas e delicadezas do número 6. Daquelas coisas que não se explica, sabe? Mas que se traduzem em um longo suspiro.

Pra confirmar, olhei pra trás e vi as três mulheres da minha vida – mamãe, Ju e Laís – suspirando comigo. Era ele e ponto final.

PS: visitei 3 lojas (Marie Blanc, Santa Madre e Fernando Peixoto) e 2 costureiras (Lucilene e Lázara). Os preços variaram entre R$ 3.000 e R$ 4.900.

Advertisements

Sobre o item 09 [parte2]

Venho orgulhosamente registrar que “estou lisa” há 2 semanas: longe do Passaneuro, o calmante natural que nunca faltou na bolsa desde milnovecentosebolinha.

As mil coisas do casamento + duas mil do trabalho + vinte mil outras que lotam a minha agenda não me tiram mais o sono. E, bom, isso seria um milagre, se não tivesse outro nome: irmãs.

Ju e Laís não são apenas duas mulheres lindas e talentosas: uma tem a coragem que me falta e outra a sensatez que me completa.  E sempre que eu chamo, lá estão elas com suas gargalhadas de curar qualquer humor e qualquer problema.

Nem vou tentar descrever tudo que elas significam pra mim porque falar das “rimãs” é falar de uma vida inteira, de sangue e de amor indescritível.  Mas registro que não há no mundo duas meninas tão tão queridas.

Sobre olhos de mármore

Um dia, eu subi na garupa da moto e ele disse “Nós não vamos pelo caminho mais curto. Nós vamos pelo mais bonito”.

E assim foi. Assim é.

fotoNossa história, como todas as histórias de amor, tem altos e baixos, inseguranças, medos e saudade. Mas nunca deixou de ser bonita. E assim é porque tem borboletas no estômago toda vez que algo dá certo, tem colo, beijo roubado, mãos dadas e risada alta. Tem detalhes que mudam tudo e tem sonho “sonhado” junto.

Três anos se passaram e eu não mudaria uma vírgula. Nem umazinha. Porque eu tenho muito orgulho do que passamos e do que somos. E principalmente, muita certeza do que eu quero ser ao lado dele. Porque estar com ele é estar em casa.

Não preciso dizer que esse aniversário de namoro é diferente, né? Afinal, tem uma aliança linda na minha mão direita que, apesar de pequena, carrega incontáveis planos, cheiros, gostos e lembranças.

Com o perdão do clichê, eu dedico esse post ao “Chero”, o publicitário e motoqueiro lindo que mudou meu mundo. Porque ele faz a minha vida ser mais bonita. E eu mal posso esperar por todas as bonitezas que ainda vou viver toda vez que os seus olhos de mármore sorrirem pra mim.

[Trilha sonora para este post: http://www.youtube.com/watch?v=rtOvBOTyX00]

Utilidade Casamentística: Foto e filmagem

A saga das fotos terminou com final feliz. A da filmagem ainda não tem final, rs. Mesmo assim, compartilho aqui os orçamentos dos profissionais que, na minha opinião, valem a pena em Goiânia.  Bolsos preparados?

Fotografia

1. Débora Lourenço [@studiodebora no instagram] – R$ 4.300 o álbum de 30x30cm, com 40 páginas e 100 imagens. Ela entrega as imagens do álbum em alta e as demais em baixa, num CD. A cobertura do evento é com 3 fotógrafos.

2. Oui! Fotografia – R$ 3.500 o álbum de qualquer tamanho, com 50 imagens. Para contratar mais fotos antecipadamente, é R$ 15 cada; depois do evento, é R$ 30 cada. Ele entrega todas as fotos em  alta num CD. A cobertura do evento é com 2 fotógrafos.

3. Prime Foto.Cinema – R$ 6.690 o álbum de 30x35cm, com 50 páginas e 100 imagens. Ele entrega todas as imagens em alta num CD. A cobertura do evento é com 3 fotógrafos.

4. Danilo Gouveia e Rodolfo Roenick – R$ 6.200 o álbum com 40 páginas e 80 imagens. Eles entregam todas as fotos em alta num CD. Cobertura do evento é com 2 fotógrafos.

Apesar de não terem o estilo que eu busco, me indicaram também o Hekta Photos e o InPhoto.

Filmagem

1. Studio Bis – R$ 3.500 por um filme de 25 minutos + trailler de até 5 min. 10% de desconto pra pagamento à vista.

2. Prime Foto.Cinema – R$ 4.500 por filma de 30 minutos + trailler de até 5 min.

3. Bendito Seja Filmes – R$ 3.200 por um filme de 25 mintuos + trailler. Negociam desconto à vista.

4. Image Buzz – R$ 3.000 por um filme de 25 minutos + trailler.

5. Vivere – Short Movie (5min) R$ 1.100, Básico (8min) R$ 1.500 e Premium (16min) R$ 2.600. Negociam desconto à vista.

Todos trabalham com câmeras HD e entregam o material em DVD e Blue Ray. Orcei também com duas empresas de fora, que são referência pra mim: Brigadeiro Filmes e NKG Studio. Vale a pena entrar no Vimeo deles pra pescar ideias pro seu vídeo.